arquivo

Arquivo da tag: Aforismos

Um acidente fortuito: senta-se ao meu lado, na sala de aula, a pessoa L. Junto ao caderno de anotações de L., repousa a primeira edição de uma publicação literária chamada Revista Serrote. Peço a L. a permissão para folhear o livro, e esta me é concedida. Passo as páginas rapidamente sobo meu dedão fixo, quando o nome Franz Kafka salta aos meus olhos. Por ser um grande admirador de Kafka, talvez a minha atenção tenha, de forma muito sutil, chamado minha atenção para aquele fragmento em particular. Retorno à página em questão para descobrir um lado agudo, luminoso e místico da percepção deste autor que tanto é lembrado pela ótica arrasadora e sombria com a qual aborda suas questões literárias. Tive tempo de anotar alguns fragmentos, antes que o professor desse por encerrada a aula daquela manhã, separando-me assim da publicação e de L., seu dono. Permitam-me compartilhar alguns trechos com vocês.

1. O verdadeiro caminho passa por uma corda que não está esticada no alto, mas logo acima do chão. Parece mais destinada a fazer tropeçar do que a ser percorrida.

5. A partir de certo ponto não há retorno. É este o ponto que tem de ser alcançado.

6. O momento decisivo da evolução humana é permanente. Por isso estão certos os movimentos revolucionários do espírito que declaram nulo tudo o que veio antes, pois nada aconteceu.

16. Uma gaiola saiu à procura de um pássaro.

17. Neste lugar eu ainda nunca estive: a respiração é diferente e, mais ofuscante que o sol, brilha ao seu lado uma estrela.

20. Leopardos irrompem no templo e bebem até o fim os jarros do sacrifício; isso se repete sempre, sem interrupção; finalmente, pode-se contar de antemão com esse ato e ele se transforma em parte da cerimônia.

21. Com tanta firmeza quanto a mão segura a pedra. Ela a segura firmemente, porém, só para atirá-la mais longe. Mas o caminho também leva àquelas distâncias.

22. Você é a lição de casa. Por todos os lados, nenhum aluno.

23. Do adversário de verdade flui uma coragem sem limites para você.

26. Os esconderijos são inumeráveis, a salvação apenas uma, mas as possibilidades de salvação, por sua vez, são tantas quanto os esconderijos.

36. Antes eu não entendia porque não recebia nenhuma resposta à minha pergunta, hoje não entendo como podia acreditar que era capaz de perguntar. Mas realmente não acreditava, só perguntava.

38. Alguém se espantava com o fato de andar com facilidade pelo caminho da eternidade, na verdade, ele o percorria para baixo.

39. O caminho é infinito, não há nada a subtrair ou acrescentar, e, no entanto, todos insistem na própria medida infantil. “Certamente você precisa percorrer mais esse côvado de caminho, isso não lhe será negado”.

40. Só a nossa concepção de tempo nos faz nomear o Juízo Final com essas palavras; na realidade ele é um tribunal permanente.

44. É ridículo como você coloca arreios em si mesmo para este mundo.

47. Foi-lhes apresentada a opção de se tornarem reis ou mensageiros dos reis. À maneira das crianças, todos quiseram ser mensageiros. É por isso que existe um bando de mensageiros que correm pelo mundo e, uma vez que não há mais reis, bradam uns para os outros mensagens que perderam o sentido. Gostariam de pôr um fim à sua vida miserável, mas não ousam fazê-lo por causa do juramento do ofício.

52. Na luta entre você e o mundo, apóie o mundo.

61. Quem, dentro do mundo, ama o próximo, não está mais nem menos certo do que quem, dentro do mundo, ama a si mesmo. Resta só a pergunta sobre se o primeiro deles é possível.

62. O fato de que não existe nada senão um mundo do espírito tira-nos a esperança e nos dá a certeza.

69. Teoricamente existe uma chance de felicidade plena: acreditar no que há de indestrutível em si próprio e não ter que lutar para alcançá-lo.

78. O espírito só fica livre quando deixa de ser um suporte.

82. Por que nos queixamos do pecado original? Não foi por sua causa que fomos expulsos do paraíso, mas por causa da árvore da vida.

Tradução: Modesto Carone.

Copiado e colado daqui. Grifos meus.

1. Eu não sei flertar.
2. Amor rima com bolor.
3. O tempo destrói tudo.
4. Covardia é afrodisíaco.
5. Simpatia é quase amor.
6. Amor não é o suficiente.
7. Amizade é circunstância.
8. Se não é cafona, não é amor.
9. Beijou de dia, tá namorando.
10. Não faça sexo, faça saudade.
11. A melhor vingança é viver bem.
12. Nunca exija nada em troca. Nunca.
13. Sexo é uma batalha. Amor é guerra.
14. De todo amor só herdarás o cinismo.
15. Quem ama a si próprio, não tem rivais.
16. Só é livre quem não tem medo do ridículo.
17. Todos os dias são exatamente os mesmos.
18. Triste não é mudar de idéia. Triste é não ter idéia pra mudar.
19. Se você sempre sente solidão quando está a sós, você está em péssima companhia.
20. Você é feia, desinteressante e meio burra. E ainda assim meninas LINDAS conseguem sentir ciúmes de você. Coomfas/

Observação: lista em constante atualização.

%d blogueiros gostam disto: