Einstürzende Neubauten, Stella Maris

Eu sonho que te encontrarei bem no fundo
No ponto mais fundo da terra, na trincheira de Mariana, no chão do oceano

Entre o Nanga Parbat, K2 e o Everest,
No topo do mundo, lá você estará para ser o convidado do meu banquete

Onde nada mais possa impedir minha visão
Quando você vier, eu te verei vindo da margem do mundo

Aqui não há nada de interessante
Só as ruínas de Atlântida
Mas nenhum traço de você
Acho que você não vem mais

Nós sentimos falta um do outro nos nossos sonhos

Você sonha comigo eu contigo
Não tenha medo não te acordarei
Antes que você se acorde

Através do gelo em direção ao Pólo Norte é onde te esperarei
Vou estar esperando no eixo

Desde a Terra do Fogo num sonho de difícil chegada até o polo
Lá tudo irá nos envolver

A estrela polar diretamente sobre mim
Esse é o polo eu espero aqui
Eu só não posso te ver vindo de lugar algum por milhas
Estou te esperando no pólo errado

Nós sentimos falta um do outro nos nossos sonhos

Você sonha comigo eu contigo
Não tenha medo não te acordarei
Antes que você se acorde

Por favor, por favor não me acorde…
Você só existe enquanto eu sonhar.

Nós sentimos falta um do outro nos nossos sonhos

Você sonha comigo eu contigo
Não tenha medo eu não te acordarei
Antes que você se acorde

Você sonha comigo eu contigo
Não tenha medo eu te encontrarei
Envolvido por um sono leve eu te abraçarei
e te puxarei pra perto de mim

Você sonha comigo eu contigo
Eu sonho contigo, você comigo
Nós sonhamos um com o outro, acordados.

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: