Perder pra dar valor

“Apesar do senso comum dizer que precisamos perder as coisas para valorizá-las, no meu ponto de vista, e me referindo exclusivamente a uma questão de respeitabilidade pessoal, o simples fato de terem que “me perder” para me “valorizarem” é ofensivo e, além disso, maçante. A avaliação afetiva é sempre insultante… Os que duvidam afetivamente por uma vez, voltam a duvidar. Poderão ocorrer mais testes. É melhor não viver na corda bamba. Se não amam você hoje, não amam.”

(Amar ou depender, Walter Riso)

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: