Espero que ele esteja feliz

Há algumas semanas atrás, encontrei pessoalmente uma conhecida que temos em comum. Foi estranho pois quando conversamos falei que tivemos um relacionamento, mas que agora ele havia seguido com a vida e estava com outra pessoa e que estava… Assim que terminei de dizer isso, hesitei e terminei de falar com um tom de voz abaixo e mais sóbrio: ‘Bem… na verdade não sei muito bem se ele é capaz de ser feliz… ou se até mesmo deseja isso. De qualquer forma, eu espero que seja, mas talvez não. Mesmo’. E é assim que me lembro dele, hoje. E essa foi uma das forma mais tristes e melancólicas que já me lembrei de alguém, até hoje na minha vida.

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: